skip to Main Content

Osteoartrite ou Artrose dos Joelhos

O que é osteoartrite ou artrose dos joelhos?

Osteoartrite ou artrose são dois nomes para a mesma doença. Ela provoca o desgaste da cartilagem e outras estruturas da articulação ao longo do tempo. O joelho é a articulação do corpo mais afetada pela osteoartrite sintomática.

Desgaste da cartilagem e inflamação pela artrose
Desgaste da cartilagem e inflamação pela artrose

Quais são os sintomas da artrose?

O principal sintoma é a dor na articulação. Inicialmente a dor pode ocorrer com atividades mais intensas apenas, mas com a progressão da doença pode haver dor com atividades do dia-a-dia e até mesmo em repouso.

Além da dor, podem ocorrer inchaço, dificuldade de movimentação, sensação de estalos ou atrito, diminuição de força e alteração no formato do joelho.

O que causa a artrose?

A artrose ocorre por um processo de desgaste da cartilagem e inflamação articular. A predisposição para ela é relacionada com vários fatores: genética, traumatismos ou lesões anteriores, sobrecarga da articulação, que pode ser causada por desalinhamentos do joelho, tipo de atividade ou excesso de peso.

Por ser uma doença que surge lentamente, ao longo de um tempo grande, é mais comum que pessoas na terceira idade sofram com a osteoartrite. Porém, quando uma predisposição maior, ela pode surgir em pacientes jovens.

Como é o diagnóstico da artrose?

A artrose é diagnosticada através de uma avaliação e exame médicos cuidadosos, e confirmada através de exames complementares. As radiografias permitem a avaliação das alterações ósseas, a perda do espaço da articulação e alterações no alinhamento.

Em alguns casos a ressonância magnética pode ser útil na avaliação da cartilagem, meniscos ou quando há suspeita de fraturas de insuficiência.

Radiografia de joelho normal (esquerda) e de joelho com osteoartrite ou artrose (direita)
Radiografia de joelho normal (esquerda) e de joelho com osteoartrite ou artrose (direita)

Como é o tratamento da artrose sem cirurgia?

A primeira linha de tratamento da artrose não envolve cirurgia, e envolve várias modalidades de intervenção (multimodal). O tratamento pode envolver:

Reabilitação, visando a melhora do fortalecimento muscular, é um dos componentes mais importantes do tratamento não-cirúrgico
Reabilitação, visando a melhora do fortalecimento muscular, é um dos componentes mais importantes do tratamento não-cirúrgico

O tratamento é individualizado, ou seja, para cada paciente é usada uma estratégia dependendo dos sintomas, do tipo de lesão e do estilo de vida.

Em todos os pacientes a reabilitação e condicionamento físico é essencial. A melhora da força e massa muscular, equilíbrio e as atividades físicas leves são grandes aliados do tratamento.

Portanto, na maioria das vezes há o envolvimento de outros profissionais além do médico, como o fisioterapeuta e o educador físico.

Em que casos é indicada a cirurgia?

A cirurgia é indicada no caso da falha do tratamento não cirúrgico adequado. Ou seja, quando há prejuízo da qualidade de vida por conta dos sintomas, mesmo após o tratamento.

Em algumas situações especiais a cirurgia também pode ser indicada. Sintomas mecânicos, como bloqueios ou fragmentos de cartilagem ou menisco soltos no joelho podem ser retirados com cirurgia. Desalinhamentos intensos e progressivos, se o joelhos está entortando consideravelmente, ou se há falhas no osso ou instabilidades importantes são situações em que a cirurgia pode ser a melhor opção.

Como são as cirurgias para artrose dos joelhos?

O tratamento é decidido individualmente, e pode incluir:

  • Cirurgia por artroscopia: para alívio de sintomas mecânicos, realizada por pequenas incisões
  • Osteotomias: cirurgias para correção de desalinhamentos, quando a artrose afeta o joelho de forma parcial
  • Prótese ou artroplastia: substituição da superfície da articulação. Pode ser parcial ou total. Saiba mais sobre prótese de joelho clicando aqui.
Prótese total do joelho: a superfície da cartilagem desgastada é substituída pela prótese
Prótese total do joelho: a superfície da cartilagem desgastada é substituída pela prótese

 

Outros temas relacionados:

Infiltração com ácido hialurônico ou viscossuplementação;

Prótese do joelho;

Lesões da cartilagem, codropatia ou condromalácia;

Problemas no joelho do idoso

Back To Top