skip to Main Content

Síndrome do Trato Iliotibial – Síndrome do Atrito da Banda Iliotibial: Joelho de Corredor

Síndrome do atrito da banda iliotibial ou síndrome do trato iliotibial, também conhecida como joelho do corredor, é um problema comum em atletas. Com a diagnóstico adequado, há tratamento eficaz para o problema.

O que é a banda ou trato iliotibial?

A banda ou trato iliotibial é um tecido fibroso rígido que vai do osso da pelve (ílio) até o osso da canela, abaixo do joelho (tíbia)

Trato iliotibial e seu trajeto: do osso da pelve (ílio) até o osso da perna abaixo do joelho (tíbia)

O que é a síndrome do atrito da banda iliotibial ou síndrome do trato iliotibial?

O trato iliotibial pode estar muito tenso e sofrer atrito com o osso da coxa (fêmur), causando dor na altura do joelho ou na altura do quadril. É um problema muito comum em praticantes de atividade física, em especial em corredores.

Esse problema é tão comum em corredores, que é também conhecido como joelho do corredor.

Quais são os sintomas do atrito da banda ou do trato iliotibial?

Dor na face lateral do joelho ou do quadril, que piora com atividades físicas, em especial corrida.

Síndrome do Trato Iliotibial | Dr. Pedro Giglio
Dor na face lateral do joelho pode ser causado por atrito da banda iliotibial

Como é feito o seu diagnóstico?

O diagnóstico é principalmente clínico, baseado nos sintomas e na localização da dor evidenciada pelo exame físico.
A dor ocorre ao redor da proeminência óssea na parte lateral do osso da coxa (fêmur), na altura do joelho ou na altura do quadril.

O diagnóstico é confirmado por exames de imagem (como a ressonância magnética do joelho), que também é importante para afastar outras causas de dor por lesões internas do joelho, como por exemplo a lesão meniscal.

Como é realizado o seu tratamento?

O tratamento envolve medicações anti-inflamatórias, bolsas de gelo no local e reabilitação, que envolve alongamento e liberação do trato iliotibial, fortalecimento da musculatura de coxa e quadril e correção de movimentos inadequados predisponentes.

Para casos intensos ou que não respondem ao tratamento, a injeção de medicação anti-inflamatória diretamente no local (infiltração) pode ajudar.

Como prevenir a síndrome do atrito do trato iliotibial?

A prevenção é importante para todos os praticantes de atividade física, mas principalmente para os praticantes de corrida de rua. Alongamento, progressão de treinamento adequada, treinos de fortalecimento de musculatura da coxa, quadril e tronco (core), são medidas importantes.

Para pessoas que têm o trato iliotibial tenso, além do alongamento, a liberação manual ou com rolo de liberação miofascial podem ser benéfica.

Back To Top