Médico Especialista em Joelho

O especialista em joelho tem uma formação aprofundada e focada nesta articulação, para poder oferecer os tratamentos mais adequados e modernos. O avanço da Medicina provoca a multiplicação de conhecimento em ritmo cada vez mais acelerado. Uma consequência desse processo é que seria impossível para um único médico ter todo conhecimento necessário para atuar em todas as áreas. Por isso ocorre a especialização. A Ortopedia faz parte desse contexto, e novos conceitos, tratamentos, técnicas surgem constantemente, com grande benefício para os cuidados de saúde de todos nós. Não é possível para um único médico dominar todas as técnicas e estar atualizado com o que há de mais moderno em toda a Ortopedia. Por isso, ocorre a subespecialização em áreas como Joelho, Coluna, Quadril, Ombro e Cotovelo, Pé e Tornozelo, Mão e Microcirurgia e Ortopedia Infantil.

Como é a formação do especialista em joelho?

No Brasil, o médico se forma após 6 anos de Faculdade. Após isso, a especialização em Ortopedia requer Residência Médica de 3 anos. Após a residência, é possível ser aprovado em uma prova para obter o Título de Especialidade em Ortopedia e Traumatologia, organizada pela Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT). Essa formação o capacita para os cuidados clínicos e cirúrgicos de lesões e doenças ortopédicas em todo o corpo, em adultos e crianças. Após o Título em Ortopedia, o médico pode decidir por continuar sua formação por no mínimo mais um ano na Subespecialidade de Cirurgia do Joelho, que, apesar do nome, consiste no estudo aprofundado de todos os problemas do joelho, e seu tratamento com ou sem cirurgia. Em seguida, o médico pode participar de um processo seletivo para ser admitido na Sociedade Brasileira de Cirurgia do Joelho (SBCJ).

Quais são os problemas e tratamentos realizados pelo especialista em joelho?

Médico especialista em Joelho | Dr. Pedro Giglio
O Dr. Pedro Giglio é médico ortopedista graduado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, especializado em joelho também pela USP. Como atuação acadêmica, tem cargo de médico concursado do Grupo de Cirurgia do Joelho do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP. Atua no ensino de graduação e pós-graduação, incluindo na formação de novos médicos especialistas em Ortopedia e Traumatologia e Cirurgia do Joelho pela USP. Também atua em pesquisa científica, com artigos científicos publicados em revistas nacionais e internacionais. Participa de eventos e congressos nacionais e internacionais. É membro da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT) e da Sociedade Brasileira de Cirurgia de Joelho (SBCJ). Presidente da Comissão do Jovem Ortopedista da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia. Realizou estágios internacionais na Universidade de Pennsylvania nos EUA e Universidade de Leipzig e Universidade de Halle na Alemanha. Foi participante do programa Principles and Practices of Clinical Research da Universidade de Harvard, além de médico preceptor da Ortopedia e Traumatologia no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP por dois anos. Atua no seu consultório próprio em São Paulo, no Núcleo de Ortopedia Especializada. Faz cirurgias e procedimentos nos melhores hospitais de São Paulo. O foco do Dr. Pedro está no tratamento individualizado, unindo o que há de mais atual em inovações técnicas e científicas, com toda atenção e cuidado para cada paciente.

Por que ser tratado por um especialista em joelho?

Além de uma formação com maior aprofundamento nos problemas do joelho, o especialista dedica a maior parte do seu tempo ao tratamento dessa articulação. Isso traz mais experiência, tanto para promover o tratamento mais individualizado para cada paciente, quanto para tratar casos desafiadores e problemas mais complexos. Existe uma comunidade nacional e internacional de especialistas em joelho, que se agrupam em diversas entidades. Eventos como cursos, congressos, simpósios fazem parte da rotina do especialista, e assim, novos conhecimentos, técnicas e experiências são difundidos.

Como são os tratamentos para os problemas do joelho?

A maioria dos problemas do joelho são tratados sem cirurgia, com tratamento multimodal, com a participação de uma equipe multidisciplinar. Entre essas modalidades estão:
  • Medicações sistêmicas
  • Controle de dor não farmacológico
  • Reabilitação, fisioterapia
  • Fortalecimento muscular, treinamento físico
  • Orientação de atividades físicas
  • Controle de peso ou tratamento de obesidade
  • Orientações de ergonomia
  • Infiltração articular
Quando necessário, procedimento invasivos podem ser indicados para tratamento se casos mais graves ou persistentes, entre outros:
  • Artroscopia do joelho
  • Reconstruções e reparos ligamentares
  • Cirurgias para lesão de menisco
  • Cirurgia para lesão de cartilagem
  • Prótese do joelho
  • Osteotomia do joelho
  • Reparo ou reconstrução de tendões
  • Tratamento da luxação de patela ou instabilidade patelar
  • Tratamento de fraturas